Ptolus: sessão 7

9 de Abril de 2009 8:53

A última sessão marcou a entrada de um novo jogador ao grupo: um humano clérigo de Lothian chamado Theobold. Essa sessão foi interessante, pois foi puro roleplay.

Depois de despertar na casa do elfo Winteril, o grupo teve a oportunidade de conversar com o minotauro Shibata, detentor de grande conhecimento sobre a cidade.

Ele explicou que os cultos do caos estão se unindo, formando um grande exército organizado, ainda aliados com os sorn e os shuul, liderados por um mago chamado Gunther Von Hagen. Gunther pretende despertar dos Galchutt: Abhoth, o senhor da sujeira e Mekhet, o devorador de almas.

Shibata também conta que Erin Von Lothar, na tentativa de impedir Gunther, acabou sendo destruído e morto pelo mago caótico. Depois de ser ressucitado, Erin decidiu que não tinha capacidade de enfrentar Gunther face-a-face, então resolveu iniciar uma campanha para desestabilizar seus planos, fazendo com que a cidade se voltasse contra os shuul por estarem envolvidos com chaositech.

Depois de conhecerem seu real inimigo, Ulrik e o resto do grupo vão até a Necrópolis para enterrar os restos mortais do anão que encontraram na dungeon sob o Templo do Deus Rato. Durante o enterro, conduzido por Theobald, Ulfar ouviu, em sua cabeça, a voz da menina que o visitou em seu sonho, o chamando de dentro do Relicário Negro, pedindo a sua ajuda, pois estaria presa lá dentro. Ulrik, incrédulo, tenta livrar Ulfar da tentação, mas também acaba recebendo a mensagem. Um pouco antes de perderem o contato com a menina, ela revela o seu nome: é Callista.

Com isso, o grupo se separa. Enquanto Ulfar vai conversar com Shibata a respeito de Callista, o resto do grupo vai até a Pale Tower falar com a chefe de Theobald, Dierna Hillerchaun, líder dos Knights of the Pale.

Shibata conta a Ulfar que Callista é uma espécie de arma dos Deuses Antigos para impedir a Noite da Dissolução, mas que o conhecimento está perdido em sua mente. Lilith a sequestrou para tentar acessar esse conhecimento.

Já na Pale Tower, Theobold conta a Dierna que, durante suas investigações, seguiu um cultista do Tolling Bell até a Torre do Relógio, mas, ao tentar prosseguir com sua perseguição, foi escurraçado da torre por um bando de ratos. Dierna conta que existe um caminho na Torre do Relógio que leva para a Dungeon sob Ptolus.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s