Old Dragon – 12ª sessão

Anteriormente, na campanha de Old Dragon: os aventureiros derrotam Hastur dentro do tesseracto e acabam aparecendo em um vale, onde veem ao longe um Tiranossauro Rex.

Eles não sabem onde estão, ou melhor, “quando” estão. Buscando fugir da chuva, o grupo sobe por uma trilha na encosta de uma montanha, que os leva até uma caverna. A trilha é em zigue-zague e em cada curva existe uma estátua de um humanoide, que aparentemente acompanha os aventureiros com os olhos até a borda da caverna.

Dentro da caverna, encontram diversos homens primitivos mortos e seus pertences. A causa da morte é indeterminada, pois não estão feridos e não parece terem ingerido algum tipo de veneno.

Lá dentro, o grupo nota que, junto da montanha, existe uma enorme muralha de uma pedra negra, que vai até onde a vista alcança. No topo dessa muralha tem uma cabana que possui uma espécie de para-raio, que é constantemente atingido.

Quando a tempestade acalma e a chuva para, os aventureiros resolvem investigar essa misteriosa cabana. Quando Altamir se aproxima da muralha, ela e sua espada, a Portadora da Tempestade, reagem à presença uma da outra, com raios e fagulhas elétricas.

Chegando na cabana, se deparam com um ser vestindo um manto negro, com mãos esqueléticas e olhos bizarros e brilhantes. A criatura não se identifica, mas o grupo logo o nomeia Mortomir (Morto por parecer com a Morte e mir porque quase todos do grupo têm “mir” em alguma parte do nome).

Mortomir é bastante amigável, lhes alimenta e fala que vive em uma cabana que se existe ao mesmo tempo em todos os tempos do universo. Lá dentro o tempo não passa, lá dentro quem manda é Mortomir.

Mortomir fala que existe uma forma deles voltarem para o tempo deles, mas que, para isso, será preciso do olho do Tiranossauro Rex. Ele está disposto a ajudá-los, entregando-lhes uma flecha especial para esse tipo de bicho. Mas ele quer uma coisa em troca: uma Winchester.

Segundo Mortomir, essa Winchester pode ser encontrada em uma vila próxima dali, que pertence a um homem chamado Dr. Ford.

Uma vez munidos do olho do T-Rex, o grupo deverá ir para a terra desolada do outro lado da muralha, mas Mortomir não dá grandes detalhes sobre isso.

Mortomir dá a Samira uma ampulheta e a ensina o significado da contagem específica de tempo (o grupo não sabe contar horas, só dias, luas e estações, a sociedade em que vivem é bastante primitiva).

E eis que o grupo ruma até a vila que Mortomir indica. No caminho, são atacados por uns batedores, que entram diretamente em combate. No entanto, Altamir, usando a Portadora da Tempestade, rola um 1 natural no dado. Como se trata de uma espada caótica, existe um efeito colateral perigoso nesse caso: ocorre uma explosão elétrica ao redor da espada, como se fosse uma bola de fogo, só que elétrica. Essa explosão quase mata o mago e o ladrão do grupo, mas, em contrapartida, mata quase todos os batedores.

Chegando na vila, o Dr. Ford os recebe muito bem e os coloca à disposição para o que precisarem.

No tempo em que ficam na vila, descobrem que o Dr. Ford vem de um lugar chamado Inglaterra e que ele vive em uma época chamada século 20, ano 1930 ou algo que o valha e que caiu lá em um “avião”. Altamir lembra do pássaro de ferro que encontraram na toca dos dragões (um ônibus espacial da NASA), e mostra ao Dr. Ford o capacete de um astronauta, que acha que é um elmo piorado. O Dr. Ford, por sua vez, acha que é um capacete de escafandrista. Eles não se entendem muito bem e mudam de assunto.  Também descobrem que o Dr. Ford oprime todos na vila, ameaçando-os constantemente com o Pau de Fogo (a Winchester, claro).

Quando o grupo vai se lavar em um riacho próximo dali, descobrem o avião do Dr. Ford, destruído.

O grupo então decide tentar roubar a arma na calada da noite, quando a vila estiver adormecida. Mas isso fica para a próxima sessão!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s